REVISTA CINEMA LIVRE


No início da década de 1980, o cineasta e crítico José Umberto elaborou um projeto de revista onde cada número seria editado por um cineasta convidado, com autonomia para elencar sua própria equipe de redatores e colaboradores. A iniciativa gerou 4 edições, a primeira delas montada pelo próprio José Umberto. Os outros números tiveram a edição de José Walter Lima, Luiz Wanderhausen, sendo o último uma realização conjunta de José Araripe, Edgard Navarro, Fernando Belens, Pola Ribeiro.

A seção Alguém viu? da Cinecachoeira trará novamente a público a versão digitalizada desta experiência editorial única, até então perdida em arquivos particulares e gentilmente cedida por seu mentor intelectual, hoje um grande parceiro da publicação da UFRB. Neste exemplar de estreia da Filme livre temos na capa ela, Helena Ignez, bem como artigos bombásticos de Rogério Sganzerla, Edgard Navarro, André Setaro, Roque Araújo, dentre outros, com montagem visual de José Araripe. Acesse este documento histórico do Cinema Brasileiro aqui e conheça um pouco das ideias que mexeram com a cabeça desta criativa e iconoclasta geração de cineastas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *